top of page

Como lavar os olhos corretamente? Veja 5 dicas!


Se for para listar os hábitos de higiene diários, o que você colocaria nessa lista? Escovar os dentes? Tomar banho? Mas e os cuidados com o rosto, como lavar os olhos? Será que ficaria de fora da sua lista?

Pois bem, lavar os olhos é tão importante quanto quaisquer outros hábitos. Tente imaginar quantas vezes por dia colocamos a mão próxima a eles sem que ela esteja limpa. Isso oferece risco para a saúde ocular.

Porém, lavar os olhos não significa jogar água ou alguma substância diferente, esfregar e secar. Isso também pode ser perigoso. Por esse motivo, separamos algumas dicas de como lavar os olhos. Confira!


1. Limpe as remelas

Quando o sono começa a bater ou logo após acordar, não é raro perceber uma melequinha no canto dos olhos. Nesse caso, estamos diante das remelas. Como um ímpeto, muita gente utiliza o dedo para removê-la. Será que é a melhor escolha?

Na verdade, o ideal é utilizar uma gaze com soro fisiológico. Vale lembrar que é preciso ter bastante cuidado com o armazenamento do soro. Existe um tempo específico pelo qual ele pode permanecer aberto e dentro da geladeira. Confira sempre na embalagem!


2. Utilize produtos específicos


Existe uma série de glândulas que são responsáveis pela produção do sebo. Em outras palavras, elas são aquelas associadas à oleosidade. Porém, quando uma glândula dessa entope, os problemas podem surgir, como ocorre com o terçol.

Sendo assim, o ideal é remover o excesso de oleosidade da região próxima às pálpebras. Mas não faça isso de qualquer maneira! Utilize soluções específicas para limpeza ocular, como xampus neutros. Lembre-se: nada ácido e nada agressivo.


3. Evite água boricada


Falando em produtos, um dos queridinhos da população é a água boricada. Entre a sua composição, podemos encontrar o ácido bórico. Nesse caso, ela está diretamente relacionada com queimaduras e alergias.

De fato, sabemos que alguns profissionais recomendam o uso da substância, inclusive para acompanhar o tratamento de conjuntivite. Então, caso ela seja indicada, tenha cuidado com o armazenamento dela.


4. Faça uso de colírios


Mais um queridinho da população: os colírios. O mais curioso é que muitas pessoas imaginam que o colírio é um produto único, sem variações. Porém, ele é uma solução utilizada para tratar uma série de problemas oculares e, assim, apresenta opções com variados princípios ativos.

Logo, não são todos iguais e cada um tem sua indicação específica! Para higienização dos olhos, o ideal é buscar um produto capaz de limpar e lubrificar. As lágrimas artificiais, por exemplo, são uma excelente opção para hidratar quem apresenta olhos secos.


5. Remova a maquiagem


Por último, vamos falar sobre a maquiagem. O hábito de dormir com maquiagem ou manter a produção por longos períodos pode ser muito prejudicial para a saúde ocular. Basicamente, isso oferece o mesmo risco de obstruir glândulas sebáceas e ocasionar um terçol ou uma irritação.

Logo, a melhor saída é remover os produtos assim que possível. Porém, isso não deve ser feito apenas com água corrente. Existem produtos adequados para fazer a remoção e que não prejudicam a saúde dos olhos. Busque por eles!

Vimos, então, as melhores dicas de como lavar os olhos. Você vai perceber que, no começo, isso pode ser um pouco mais difícil ou exigir mais tempo do seu dia. Contudo, ao pegar a prática, rapidinho você a insere nas medidas de cuidados com a pele e vai passar a realizar tudo em poucos minutos. Lembre-se de que essa é uma maneira de manter a região limpa e evitar problemas. Não se esqueça também: lavar as mãos sempre!

4 visualizações0 comentário
bottom of page